Casa Branca confirma encontro entre Biden e Lula em fevereiro

(crédito: AFP)
(crédito: AFP)

Segundo a Presidência dos Estados Unidos, os chefes “discutirão o apoio inabalável dos Estados Unidos à democracia do Brasil”

Fonte: www.correiobraziliense.com.br

A Casa Branca confirmou, nesta terça-feira (31/1), o encontro entre o presidente estadunidense, Joe Biden, e o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), em 10 de fevereiro. A reunião ocorrerá em Washington, capital dos Estados Unidos. Segundo nota oficial, os chefes de Estado “discutirão o apoio inabalável dos Estados Unidos à democracia do Brasil”.

“O presidente Biden aguarda ansiosamente receber o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, do Brasil, na Casa Branca na sexta-feira, 10 de fevereiro, para fortalecer ainda mais a relação próxima entre os Estados Unidos e o Brasil”, diz o texto, publicado no site oficial da Casa Branca e assinado pela secretária de imprensa da Casa Branca, Karine Jean-Pierre. “Durante seu encontro, na Casa Branca, os dois presidentes discutirão o apoio inabalável dos Estados Unidos à democracia do Brasil e como os dois países podem continuar a trabalhar juntos para promover inclusão e os valores democráticos na região e em todo o mundo”, acrescenta.

A Casa Branca citou ainda a Cúpula pela Democracia, que ocorre em  29 e 30 março de 2023. Os Estados Unidos serão um dos anfitriões do evento, ao lado da Costa Rica, dos Países Baixos, Coreia do Sul e Zâmbia. O evento reúne, de forma virtual, chefes de Estado e representantes de governos, sociedade civil e do setor privado. Será a segunda edição da Cúpula, inaugurada em dezembro de 2021.

“Os presidentes tão vão discutir como os Estados Unidos e o Brasil podem continuar a trabalhar juntos para lidar com desafios em comum, incluindo o combate às mudanças climáticas, garantir a segurança alimentar, encorajar o desenvolvimento econômico, fortalecer a paz e a segurança, e gerenciar a migração regional”, diz ainda a nota.

A Casa Branca citou ainda a Cúpula pela Democracia, que ocorre em  29 e 30 março de 2023. Os Estados Unidos serão um dos anfitriões do evento, ao lado da Costa Rica, dos Países Baixos, Coreia do Sul e Zâmbia. O evento reúne, de forma virtual, chefes de Estado e representantes de governos, sociedade civil e do setor privado. Será a segunda edição da Cúpula, inaugurada em dezembro de 2021.

“Os presidentes tão vão discutir como os Estados Unidos e o Brasil podem continuar a trabalhar juntos para lidar com desafios em comum, incluindo o combate às mudanças climáticas, garantir a segurança alimentar, encorajar o desenvolvimento econômico, fortalecer a paz e a segurança, e gerenciar a migração regional”, diz ainda a nota.

0 0 votos
Article Rating
Se inscrever
Notificar de
guest

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários