Haddad determina que Receita doe itens apreendidos para vítimas de chuvas em SP

Ministro da Fazenda, Fernando Haddad REUTERS/Agustin Marcarian

São mais de R$ 11 milhões em produtos

Fonte: G1.com.br

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, determinou, nesta segunda-feira (20), que a Receita Federal selecione produtos apreendidos em fiscalizações que possam ser doados para vítimas dos temporais no litoral norte de São Paulo.

Segundo o ministro, são mais de R$ 11 milhões em roupas, calçados, itens de cama, mesa e banho, higiene pessoal, material de limpeza e utensílios de cozinha.

Por meio das redes sociais, Haddad agradeceu aos servidores da Receita Federal, da 8ª Região Fiscal (SP), que foram mobilizados para fazer a seleção do material durante o feriado.

Ao menos 40 pessoas morreram e outras 40 estão desaparecidas no litoral de São Paulo, segundo o governo do estado e a prefeitura de São Sebastião. Aproximadamente 1.730 pessoas estão desalojadas e 766 permanecem desabrigadas.

Entre as mortes confirmadas até o momento, 39 são de pessoas de São Sebastião (Barra do Sahy, Juquehy, Camburi e Boiçucanga) e uma de Ubatuba.

Advocacia-Geral da União

Em outra frente de trabalho do governo federal para lidar com os impactos das chuvas, o advogado-geral da União (AGU), Jorge Messias, colocou o órgão à disposição de todos os gestores da área de defesa civil para auxiliar na adoção das medidas necessárias para rápida resposta e auxílio aos atingidos.

A AGU solicitou apoio às entidades de classe das carreiras jurídicas que compõem a instituição para promover campanhas de ajuda às vítimas.

Segundo o órgão, Associação Nacional dos Advogados Públicos Federais (Anafe) e o Fórum Nacional da Advocacia Pública Federal deverão divulgar campanha para auxílio aos atingidos.

0 0 votos
Article Rating
Se inscrever
Notificar de
guest

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários