Ministro Fávaro inicia agenda na China com reuniões bilaterais e encontros com empresários

- Foto: Divulgação (Mapa)

Nesta semana, Fávaro participa de reuniões governamentais com autoridades chinesas, seminários e encontros com representantes do setor produtivo

Fonte: www.gov.br

O Governo Federal dá início, ainda esta semana, a uma série de reuniões bilaterais com autoridades chinesas, seminários e encontros com representantes do setor produtivo. O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, realizará visita de Estado à República Popular da China no período de 26 a 31/3, a convite do presidente Xi Jinping. As programações estão associadas ao conjunto de atividades da agenda oficial da comitiva presidencial. Parlamentares, governadores, ministros de Estado e empresários integram a comitiva. 

Já na quinta-feira (23/3), está prevista a participação do ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro, na abertura do Cotton Industry Development Conference, em Pequim. Também estão agendadas reuniões com empresas e associações de fabricantes de fertilizantes e insumos agrícolas, além de evento para discutir a cooperação entre Brasil e China em agricultura sustentável e finanças verdes.

No dia seguinte (sexta, 24), o ministro participa do “Seminário Multisetorial: perspectivas da parceria Brasil-China no Agronegócio”, com presença de entidades brasileiras como a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), a Organização das Cooperativas do Brasil (OCB) e Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), além de organizações chinesas como a China Association for the Promotion of International Agricultural Cooperation e o Agricultural Bank of China.

No mesmo dia está previsto um seminário do setor de proteína animal, que irá reunir autoridades e empresários do setor do Brasil e da China, com a participação do Embaixador do Brasil na China, Marcos Galvão, e do vice-presidente da Câmara Chinesa de Comércio para Importação e Exportação de alimentos, produtos naturais e subprodutos animais (CFNA China), Yu Lu.

A equipe do Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) também participa, na segunda-feira (27/3), de encontro multissetorial com a All China Federation of Supply and Marketing Cooperatives. Ainda haverá o Fórum China-Brasil de Desenvolvimento Sustentável, promovido pelo Centro Brasileiro de Relações Internacionais.

A China é, desde 2009, o maior parceiro comercial do Brasil e uma das principais origens de investimentos em território brasileiro. Em 2022, a corrente de comércio atingiu recorde de US$ 150,5 bilhões. Os países comemorarão 50 anos do estabelecimento de relações diplomáticas em 2024. Além da equipe técnica do Mapa e outros parlamentares, fazem parte da comitiva brasileira à China mais de 100 empresários dos setores de carnes, algodão, insumos, celulose, grãos, sementes, entre outros.

leia mais na notícia publicada pelo Ministério da Agricultura e Pecuária.

0 0 votos
Article Rating
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários