Obras paradas podem ser indicadas em plataforma online para serem retomadas

Construção de prédios residenciais e comerciais no Setor Noroeste em Brasília

Fonte: www.gazetadopovo.com.br

Os estados e municípios de todo o Brasil têm até o dia 10 de abril para informar ao governo federal as obras que estão paradas em suas regiões e que precisam ser retomadas com prioridade. Conforme informações da Agência Brasil, a plataforma Mãos à Obra, está em funcionamento desde sexta-feira (10).

É um sistema de monitoramento online, desenvolvido pelo Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro). Na plataforma, gestores estaduais e municipais terão acesso a um banco de dados e poderão informar ou atualizar informações relativas à situação das obras paralisadas ou inacabadas. As demandas serão respondidas por ordem de chegada.

A prioridade será para obras voltadas à saúde, educação, esporte e cultura. A lista inclui unidades habitacionais do Programa Minha, Casa Minha Vida e outros projetos do Ministério das Cidades. A Casa Civil do governo federal, em parceria com os ministérios, analisará o banco de dados e definirá as obras que deverão ser retomadas de imediato, conforme a orientação da Presidência da República.

A plataforma Mão à Obra está integrada ao Portal Gov.Br e pode ser acessada com o login único do governo federal.

0 0 votos
Article Rating
Se inscrever
Notificar de
guest

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários